quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

1

Novas regras,muito amor,primeiro mês!

Educar a Helena,impor limites,conhece-la,entende-la,esse nosso primeiro mês full time juntas foi genial,eu conheci uma menininha totalmente nova pra mim,eu ouvi a Helena de verdade,eu entendi as suas perguntas,juntas descobrimos uma nova maneira de sermos mãe e filha,genial.


Nesse caminhar me deparei tendo que educar ,colocar limites,dizer não muito mais vezes do que sim,tive momentos completos de supernanny e mesmo realizada me vi enlouquecida,educar é pica das galáxias,como não morrer de rir das crises existenciais de uma menininha de 2 anos? como me manter séria e compenetrada ao olhar a carinha da Helena bufando olhando pro teto? é um jogo psicológico intenso,e uma troca constante...


Me vejo colocada em xeque o tempo todo, como se ela me observasse o tempo inteiro e me vejo querendo que ela me aprove,eu a mãe querendo ser aprovada pela filha...complexo e louco.


Nesse primeiro mês a crise aqui da mamãe foi intensa,uau,foda se encontrar no meio de tantas mudanças,é sempre assustador se conhecer ,é sempre assustador a realidade,as novas realidades,começo agora a me enxergar melhor e aprendi que não dá pra querer abraçar o mundo,pedir ajuda não é feio ou é sinal de fraqueza,eu não querer mais ser dona de casa integral não me faz me sentir derrotada,em um mês isso ficou claro pra mim,sem cobranças,me basta ser mãe.


Aí vejo naquela coisinha loirinha e dengosa uma nova figurinha,uma menininha geniosa,mal criadinha as vezes e mega dramática,e aí o que fazer? primeiro a gente respira,respira fundo e toma o controle,cantinho do castigo anda prontinho aqui em casa,ela andou frequentando ,creio q não gostou,faz tempo que não frequenta,mas sabe que ele existe e que tá ali...e como saber a hora de coloca-la de castigo sem parecer exagerada ou incoerente? como impor os limites sem ser aquela megera ensandecida? a gente falha e a gente acerta e sempre será assim,sempre.


Depilei,fiz as unhas,pintei o hair ( mini loira,rá) e entrei no pilates,tô amando mais o marido,completamente apaixonada por ele,sinto saudades da Helena quando ela vai dormir e continuo adorando quando ela vai dar umas voltinhas e me deixa ter um momentos alone,continuo não sentindo a menor saudade do trabalho ,continuarei com a empregada algumas vezes na semana,tô no fim da auto escola e descobri que não tenho mais medo do trânsito,enfim...esse primeiro mês foi o que tinha que ser!

1 comentários:

Lorraine disse... [Kaka respondeu]

uau!!! quanto amadurecimento! quanta transformação!

sobre limites, fiz um post sobre isso.

http://mamaeestaonline.blogspot.com/

beijos e parabéns pelo primeiro mês!